15.1 C
Nova Iorque
terça-feira, maio 17, 2022

Buy now

spot_img

ARTESÃS RECEBEM CAPACITAÇÃO EM MARKETING DIGITAL

Um workshop de marketing digital capacitou 115 artesãs do país esta semana. Realizado em formato on-line, o evento teve o intuito de impulsionar negócios por meio da utilização de conceitos e ferramentas virtuais. A atividade foi promovida pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), por meio do Projeto Qualifica Mulher, em parceria com a Aliança Empreendedora e a Confederação Nacional dos Artesãos do Brasil (Cnarts).

A titular da Secretaria Nacional de Políticas para as Mulheres (SNPM/MMFDH), Cristiane Britto, afirmou que o marketing digital vai além de aprender novas maneiras de falar sobre o produto. Para ela, consiste em simplificar as formas de divulgação do negócio e aumentar a visibilidade e a confiança dos clientes, contribuindo para o aumento das vendas.

A secretária enfatizou ainda que as ações são essenciais para retomar ou fortalecer iniciativas que visem à superação da desigualdade agravada pela Covid-19. “É isso que realizamos aqui hoje, por acreditar que a força produtiva das mulheres irá alavancar a economia do nosso país no contexto pós-pandemia”, disse.

“Desde o início da pandemia, mais de 8,5 milhões de mulheres perderam seus empregos e suas fontes de renda. Segundo o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), dos artesãos brasileiros, a grande maioria são mulheres – cerca de 77%. Deste público, 60% tem o artesanato como principal fonte de renda”, completou ao destacar a importância de capacitar empreendedoras.

Qualifica Mulher

O Projeto Qualifica Mulher oferece capacitação profissional gratuita para cidadãos de todas as regiões do país. Os cursos estão com inscrições abertas em áreas voltadas ao empreendedorismo.

“Em pouco mais de um ano de execução, o Qualifica Mulher já recebeu investimento de R$ 48 milhões, beneficiando mais de 102 mil mulheres em 22 estados brasileiros. Nossa expectativa é que todas vocês desenvolvam o potencial empreendedor que tem. Isso beneficia ainda a economia local, pois investir na mulher também é investir no desenvolvimento econômico e social da região”, acrescentou.

Experiência

Palestrante no evento, a especialista Aline Torquato abordou conceitos como os primeiros passos para a definição de um plano de marketing, os como produzir conteúdo e os canais disponíveis, além da profissionalização necessária para vender mais.

“Entenda o valor que você quer faturar, compreenda a sua logística de venda, conheça os seus ciclos de venda, reflita sobre suas limitações e use o que você tem hoje”, aconselhou a integrante da Aliança Empreendedora.

Entre as autoridades, também participaram a presidente da Cnarts, Márcia Oliveira, a diretora do Departamento de Políticas das Mulheres e Relações Sociais da SNPM/MMFDH, Fernanda Marsaro, a assessora de projetos da Aliança Empreendedora, Thaís Moreira, e o coordenador-geral de Empreendedorismo e Artesanato do Ministério da Economia, Fábio Silva, que coordena o Programa do Artesanato Brasileiro (PAB).

Related Articles

Escreva uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Stay Connected

0FansLike
3,310FollowersFollow
0SubscribersSubscribe
- Advertisement -spot_img

Latest Articles