EM AMARAJI, PROFESSORES BUSCAM MPPE SOBRE PRECATÓRIOS DO FUNDEF

O promotor de justiça do município de Amaraji, Ivan Viegas, recebeu no salão de audiências do fórum local, os professores da rede municipal de ensino que reivindicam direitos na partilha dos precatórios do Fundef repassados ao município de Amaraji, num montante de quase 23 milhões de reais.

Estiveram presentes vereadores, representantes do sindicato dos funcionários públicos municipais, e a advogada da Câmara de Vereadores, Dulce. Segundo a orientação emitida verbalmente pelo promotor, a categoria deve através do sindicato que os representa entrar com uma ação, e buscar um parecer da magistrada local.

Segundo alguns professores, o que muitos da categoria buscam inicialmente é o bloqueio dos valores que estão na conta da prefeitura até que a sentença definitiva saia.

Em conversa com Ricardo, presidente do sindicato, durante este final de semana, a categoria irá se reunir com o jurídico para no início da próxima entrar com a ação, pedindo o bloqueio do valor e a divisão dos 60% que acreditam ter parte dos precatórios.

Comentários

comments