MUNICÍPIOS PODEM SOLICITAR AMPLIAÇÃO DO HORÁRIO DE ATENDIMENTO NAS USF

A partir de agora, os municípios que ampliarem o horário de atendimento à população nas Unidades de Saúde da Família (USF) vão receber mais recursos do Governo Federal. Os repasses podem chegar a dobrar de valor. O novo financiamento vai depender do horário de funcionamento dessas unidades, que agora pode variar, entre 60h a 75h semanais.

A possibilidade de ampliação de horário faz parte do Programa Saúde na Hora, lançado nesta quinta-feira, pelo Ministério da Saúde. O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirma que o novo programa é um passo para a reorganização da atenção primária no país.

Ao aderir ao novo programa, as Unidades de Saúde da Família devem ficar de portas abertas no horário de almoço, à noite ou ainda nos finais de semana. É o gestor quem vai apontar qual o horário mais adequado para a situação do local. A iniciativa permite que a população tenha maior acesso aos serviços da Atenção Primária, como explica o ministro da saúde.

A estimativa é que mais de 2 mil Unidades de Saúde da Família em 400 municípios e Distrito Federal estejam aptas a participar do programa Saúde na Hora.

Compartilhe:

Comentários

comments