MST BLOQUEIA ESTRADAS E REALIZA DIVERSOS PROTESTOS EM PERNAMBUCO

Integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) realizaram atos simultâneos na manhã desta terça-feira (26), em Pernambuco. Os manifestantes, que iniciaram os protestos por volta das 7h30, são contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT) e a favor da democracia. Eles também cobraram moradias e defendem os programas sociais do Governo Federal. Devido às mobilizações, o trânsito ficou complicado.

No Recife, segundo a Companhia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU), um grupo ocupou a avenida Norte, na altura da Ferreira Costa, no bairro da Tamarineira, na Zona Norte do Recife. Outros manifestantes ocuparam a avenida Sul, na altura do Cabanga, na área Central do Recife.

Já nas rodovias, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que os manifestantes realizaram bloqueios nos dois sentidos da BR-232, em Caruaru, no Agreste, na altura do quilômetro 127, e na BR-101 Norte, em Paulista, na Região Metropolitana do Recife, na altura do quilômetro 53, no sentido João Pessoa. Ainda segundo a PRF, a manifestação de Caruaru foi encerrada por volta das 9h30 e a de Paulista terminou pouco antes do meio-dia.

Além do MST, participam o Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), o Movimento Popular pela Reforma Urbana (MPRU), Movimento de Luta nos Bairros, Vilas e Favelas (MLB) e Central de Movimentos Populares (CMP). Os protestantes que participaram dos atos no Recife estão acampados na Praça do Derby, na área central da capital pernambucana. Eles informaram que vão permanecer no local até o próximo dia 1º.

Atos
No último dia 15, sete trechos de rodovias federais que cortam Pernambuco foram interditados por manifestantes do MST. O ato, que era nacional, marcou o Dia de Luta pela Reforma Agrária.

Da FolhaPE.

Compartilhe:

Comentários

comments