FALSO MÉDICO QUE ATUAVA NA MATA SUL, IRÁ SE APRESENTAR À POLÍCIA FEDERAL

O caso do falso médico que atuava em Glória do Goitá, Zona da Mata do Estado, será encaminhado à Polícia Civil do Estado de acordo com a Polícia Federal. A PF informou que a corregedoria do órgão compreende que o crime é de competência da PCPE. O médico, localizado pelos policiais federais, se chama Bruno Maurício Costa Mousinho. Ele deve se apresentar espontaneamente com o advogado dele nesta terça-feira (10) na sede da PF. O suspeito mora em Alagoas. Inicialmente, o acusado foi identificado como Bruno Duarte da Silva.

No dia 03 de novembro, a PF recebeu a denúncia de que o suspeito prestava plantão no hospital João Murilo utilizando o registro de Bruno Tenório Gonçalves, que realizou denúncias. Os crimes que estão sendo investigados são falsidade ideológica e exercício ilegal da Medicina, cujas penas podem chegar a dez anos de reclusão.

Com informações da Assessoria.

Compartilhe:

Comentários

comments