APÓS FECHAR ESCOLAS EM ATO DE PARALISAÇÃO, PROFESSORES BUSCAM APOIO DO LEGISLATIVO EM CHÃ GRANDE

Os professores do município de Chã Grande, na zona da mata, inconformados pelo não pagamento dos seus salários do mês de outubro cruzaram os braços nesta terça-feira (10). Segundo eles, o pagamento que deveria ser feito no dia 30 de outubro não foi realizado de acordo com o sindicato e esta foi a única forma de protesto que tiveram, paralisar as atividades.

Ainda de acordo com SINPRO, a paralisação teve adesão de 100% dos docentes, segundo o sindicato da categoria, chegou na conta do FUNDEB, no mês de outubro, o valor de R$ 931,000,00 (novecentos e trinta e um mil reais), para pagar aos professores e manutenção da educação e até o presente momento o gestor municipal não realizou o pagamento aos professores do município.

O SINPRO – Chã Grande convidou a categoria para nesta quarta-feira (11), acompanhar os trabalhos na Câmara Municipal. De acordo com o sindicato será uma ato pacífico e respeitoso e de extrema importância no processo de mobilização da categoria.

O professores da rede municipal esperam com o ato pacífico desta quarta-feira, o apoio do legislativo do município.

Compartilhe:

Comentários

comments