PROFESSORA É ACUSADA DE SEDAR CRIANÇAS EM SANHARÓ

Nove alunos da Escola Municipal Nilza Leite Avelino, da rede municipal de Sanharó, no Agreste de Pernambuco, passaram mal após ingerirem um suco servido por uma professora que teria colocado tranquilizantes na bebida dos estudantes. As vítimas eram crianças, com idades entre quatro e sete anos, que foram socorridas à Unidade Mista João XXIII após apresentarem sinais de sonolência e tontura. O caso aconteceu na última terça-feira (6).

Segundo o prefeito do município, Fernando Edier, a Secretaria Municipal de Educação abriu sindicância para investigar o caso e afastou temporariamente a professora. “Estamos esperando o laudo do hospital para sabermos o que as crianças beberam. Se ficar comprovado que ela usou tranquilizante, será exonerada”.

Os detalhes do caso serão mantidos em sigilo, segundo o delegado seccional de Belo Jardim. Familiares, gestores e a professora serão ouvidos pela Polícia Civil.

Do JC Online.

Compartilhe:

Comentários

comments