MAIS EQUIPES DA LEI SECA NAS RUAS

A possibilidade de ser flagrado em uma blitz da Lei Seca vai aumentar. O número de equipes na rua crescerá em mais de 50% até o fim do ano. No primeiro semestre, o número subirá de nove para 12. Entre julho e dezembro, serão acrescidas mais três. As medidas visam fortalecer o serviço, considerado modelo no Brasil, e reduzir o crescente número de vítimas de acidentes de moto.

A distribuição das novas equipes se dará de forma gradual a partir de março. A estratégia é atingir sobretudo outros municípios da RMR, além da capital, assim como bairros de periferia, onde a malha viária dificulta o acesso das vans.

“A Lei Seca vai para toda a Região Metropolitana, visando os principais locais de acidente e de saída das pessoas que estão consumindo álcool”, afirmou o secretário de Saúde de Pernambuco, José Iran Costa Júnior.

Desde o começo do mês, a Secretaria de Saúde faz testes de mudanças na blitz, como expansão do horário de funcionamento e divisão das equipes em grupos menores, para rondas também nas ruas secundárias.

Cada blitz fixa terá um ou duas equipes móveis de apoio, visando também neutralizar o efeito da troca de informações entre motoristas, através de aplicativos, e cobrir todas as rotas de fuga.

Do Diario de Pernambuco.

Compartilhe:

Comentários

comments