“CINQUENTINHAS” SÓ PODEM SER CONDUZIDAS POR PESSOAS HABILITADAS, EM GRAVATÁ

Desde o dia 02 de janeiro deste ano, está proibido em Gravatá, agreste de Pernambuco, a circulação de ciclomotores (cinquentinhas) pilotados por menores de idade ou por pessoas que não possuem CNH (Carteira nacional de habilitação).
A carteira para pilotar as cinquentinhas já era exigida no Código de Trânsito Brasileiro, assim como o capacete, mas a regularização e fiscalização são atribuições das prefeituras. Em Gravatá, a iniciativa partiu da parceria firmada entre as Polícias Militar, Civil e o Ministério Público.
A informação foi levada ao conhecimento da população através do Programa Jota Silva, transmitido pela Rádio Gravatá FM, ainda no mês de Dezembro de 2014.
Na manhã desta Quarta-feira (07) o Policial Militar Heloílton Oliveira participou de uma entrevista com o radialista Jota Silva e tirou dúvidas de ouvintes a respeito do assunto.
Com mais de 12 anos de atuação no trânsito, Heloílton ressaltou que a Lei que exige habilitação para condutores de cinquentinhas, existe desde a gestão do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, tendo sido sancionada em 1997. Quem for flagrado conduzindo ciclomotores sem atender as exigências, em Gravatá, terá o veículo apreendido.
No Recife, a administração municipal fechou o cerco em relação as cinquentinhas. Além de exigir CNH e capacete, os ciclomotores já devem ser emplacados.
Do Brasil Online Notícias.
Compartilhe:

Comentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.