TRABALHADORES DA CONSTRUÇÃO CIVIL QUE ATUAM NO LITORAL SUL DEFLAGRAM GREVE NA SEGUNDA

Os trabalhadores da construção civil de Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife, e da Mata Sul do Estado deflagram greve nesta segunda-feira (10). Segundo a categoria, desde o início deste mês, os profissionais tentam entrar em acordo com os patrões, que não aceitaram a pauta de reivindicações. Como forma de protesto, será realizada uma passeata, às 8h, na praia de Barra de Jangada.
A classe trabalhadora apresentou uma pauta com seis itens, que consistem em reajuste salarial de 15%, isenção do vale transporte, isenção do pagamento das refeições – que são fornecidas nos canteiros de obra –, cesta básica de R$ 120, Participação nos Lucros e Resultados (PLR), plano de saúde e folga no dia do pagamento. Segundo a categoria, o patronato só aceitou negociar o reajuste salarial.
“Vamos cruzar os braços por tempo indeterminado”, explica o presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção Civil de Jaboatão dos Guararapes, Mata Sul e Litoral (Bate-Estaca), Luiz Cavalcanti.
A paralisação vai incluir, além dos trabalhadores de Jaboatão, funcionários que atuam em canteiros de obras no Cabo de Santo Agostinho e Ipojuca, também na RMR, e Tamandaré, Barreiros e Sirinhaém, na Mata Sul. A passeata planejada para o primeiro dia de greve deve ser acompanhada de uma assembleia.

Com informações da assessoria.

Compartilhe:

Comentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.