SEGUNDO PERNAMBUCANO NA HISTÓRIA, TOMA POSSE NA PRESIDÊNCIA DO STJ

A posse de Francisco Falcão à presidência do STJ, nesta segunda, em Brasília, reuniu o maior número de pernambucanos na capital federal. No pleno da corte, o sotaque nordestino dominava. A caravana acabou emocionando o segundo pernambucano a assumir o posto, sobretudo, na hora do seu discurso, em que citava seu pai, o ex-presidente do STJ, Djaci Falcão. “Confio em Deus que nessa minha nova empreitada jamais me faltem humildade e determinação para me dedicar com total intensidade ao trabalho, predicados acentuados nos preciosos ensinamentos que recebi do meu inesquecível pai, Djaci Falcão, meu exemplo de vida”, falou com lágrimas nos olhos e voz embargada. A solenidade também levou a ministra Laurita Vaz ao cargo de vice-presidente da mesma instituição.
O pleno ficou lotado e com a presença de várias autoridades como o presidente do STF, Ricardo Lewandovksi, mais a ministra Carmem Lúcia, e os ministros Luiz Fux e Dias Toffoli; o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, o presidente da OAB nacional, Marcos Vinícius Coelho, e o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, representando a presidente Dilma Rousseff, que participava de debate entre os presidenciáveis, em São Paulo.
De Pernambuco, foram o governador João Lyra, o secretário de Planejamento, Fred Amâncio, os desembargadores Jones Figueiredo, Stenio Neiva, Jovaldo Nunes, José Fernandes Lemos, Cândido Saraiva, Evandro Magalhães, Fábio Eugênio, Fernando Martins, Patriota Malta, Dayse Andrade, Alberto Virgínio, o presidente da OAB-PE, Pedro Henrique Reynaldo, mais os ministros do TCU, José Jorge e José Múcio Monteiro, os empresários João Carlos Paes Mendonça, Janguiê Diniz, Rosamélia Muniz e Gustavo Dubeux.
Com informações do Blog NE10.
Compartilhe:

Comentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.