IDOSO É SUSPEITO DE ASSASSINAR ESPOSA E COMETER SUICÍDIO, NO RECIFE

A polícia está investigando o assassinato seguido de suicídio registrado na manhã desta sexta-feira (30), em um apartamento de luxo no bairro de Parnamirim, zona norte do Recife. O idoso Carlos Lenorman Santos de Andrade, de 82 anos, é suspeito de assassinar a esposa, Maria Helena Tavares de Andrade, de 81 anos, dentro do apartamento da família, no Edifício Villa Mariana, na Rua Padre Roma.
A idosa foi morta com um tiro de espingarda calibre 12. Após o crime, o marido, que era proprietário de engenho, teria cometido suicídio, pulando da janela do hall do oitavo andar do prédio de luxo. O corpo da idosa foi encontrado em cima da cama, coberto por um lençol. A arma, uma espingarda de caça, foi achada distante cinco metros do cadáver. O idoso tinha porte de arma, mas a licença estaria vencida há cerca de um ano.
De acordo com o perito criminal do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), Fernando Benevides, o imóvel não tinha sinais de arrombamento. Os peritos realizaram exame residuográfico e farão exame balístico para confirmar se a arma foi realmente utilizada no crime 
O caso aconteceu na manhã desta sexta-feira, quando o casal estaria a sós, antes da chegada da empregada doméstica. A trabalhadora prestou informações à polícia. Ela disse que encontrou o corpo da patroa e acionou a portaria. Os porteiros, por sua vez, localizaram o cadáver do proprietário do apartamento 802 em uma área que dá acesso ao playground. 
No edifício, os vizinhos ficaram perplexos com o crime. Uma moradora disse que o idoso, que também era odontólogo, sofria de depressão. Há informações de que ele estaria sendo medicado com antidepressivos.
Muito abalado e sob efeito de calmantes, um filho do casal, que mora no sétimo andar do edifício, não falou com a imprensa. Outro filho, que mora em Minas Gerais, foi avisado da tragédia e está a caminho do Recife.Os corpos foram recolhidos e encaminhados para o Instituto de Medicina Legal (IML).
Com informações do Diario de Pernambuco.
Compartilhe:

Comentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.