SUPLENTE ACUSADO DE TER ASSASSINADO VEREADOR DE CATENDE

Em entrevista ao vivo, que foi ao ar na última terça (18) no programa Microfone Aberto, da Nova Quilombo FM, em Palmares, na Mata Sul, , o pedreiro Jailton Xavier Teixeira, 40 anos, conhecido como “Bigode”, que recentemente sofreu um atentado, revelou a suposta existência de um grupo de extermínio no município de Catende.

Segundo o denunciante, vários assassinatos teriam ocorrido por diversos motivos, entre os quais, pistolagem, política e queima de arquivo. “Bigode” disse ter certeza absoluta sobre a autoria do crime que vitimou o vereador Marcos Antônio dos Santos Nascimento, conhecido como “Marco Animal”(PRP), de 39 anos, que ocorreu em junho de 2013, em frente à Câmara de Vereadores do município, logo após uma reunião legislativa.
Xavier acusou o primeiro suplente de vereador José Vieira da Silva Filho, conhecido como Vieira, (PTB), de 53 anos, de ser o mandante.
Na versão do denunciante, Vieira teria se beneficiado com a morte do parlamentar, pois assumiu a vaga, uma vez que era o primeiro suplente e, portanto, substituto de Marcos Antônio. Ainda na entrevista ele disse que o acusado estava em situação financeira difícil e também se beneficiaria com os vencimentos de vereador. Ele alegou que “todo mundo em Catende sabe, mas tem medo de falar”.
Jaílson disse ter sido emboscado e baleado a mando de Vieira, justamente porque havia revelado publicamente que ele seria o mandante do assassinato. Bigode finalizou colocando que ainda se recupera dos ferimentos e que espera ser ouvido em juízo.
A entrevista, na íntegra, com o áudio do programa, Ouça abaixo.

Com informações da Nova Quilombo FM

Compartilhe:

Comentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.