MÃE QUEIMA MÃOS DE FILHAS DE 6 E 10 ANOS COM COLHER QUENTE COMO CASTIGO

Suspeita de queimar a mão de duas filhas com uma colher esquentada no fogo, uma mulher se apresentou, nesta quinta-feira (20), no Departamento de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), localizado na rua Benfica, no bairro da Madalena, no Recife. Segundo a delegada Maria Alice D’arci, vizinhos relatam que a auxiliar de serviços gerais Mirina Dias, de 42 anos, cometeu a violência na última sexta-feira (14) em sua residência, localizada no bairro de Santo Amaro, área central do Recife. O crime foi cometido após as meninas de 6 e 10 anos tomarem um suco deixado na geladeira. Para castigar as filhas, ela queimou da parte de cima da mão até o meio do braço.
De acordo com informações dos vizinhos, que ficaram bastante revoltados com o ocorrido, uma das meninas teria ido no dia seguinte a uma lan house, e lá, quando alguém perguntou, ela disse que foi a mãe que tinha feito a queimadura. O caso foi denunciado no domingo (16), mas o conselho tutelar só procurou a mulher na terça-feira (19), encontrando-a na casa do seu namorado, em Olinda, onde ela teria fugido com as filhas para não ser linxada pela população.
Na delegacia, Mirina negou todas as acusações e disse que as meninas se queimaram em uma panela de macarrão. No entanto, a delegada já tem informações de que ela agride as filhas já há alguns anos. Além disso, também existem denúncias que a mãe já deixou as meninas sozinhas e trancadas por dias enquanto saía para se divertir. Quando isso ocorria, os vizinhos davam comida para as garotas pela janela para elas não ficarem com fome. Outra informação que a delegada apurou é de que a mulher praticava sexo na frente das filhas.
Mesmo com as denúncias apresentadas contra ela, a mulher não foi presa em flagrante pois o prazo de 24 horas para que fosse feita a denúncia e a captura da suspeita expirou. No entanto, a delegada explicou que deve terminar o inquérito em dois dias e, depois disso, deverá entregar à Justiça, que, por sua vez, decidirá se ela vai ser presa. Caso seja indiciada, ela deverá responder pelos crimes de maus tratos, abandono de incapaz, cárcere privado e lesão corporal.
Com informações da FolhaPE
Compartilhe:

Comentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.