AGENTES, ESCRIVÃES E PAPILOSCOPISTA DA PF REALIZAM PARALISAÇÃO NESTA TERÇA-FEIRA

Agentes federais, escrivães e papiloscopistas de Pernambuco farão nesta terça-feira a primeira de três paralisações de 24 horas programadas para os meses de fevereiro e março. Segundo a categoria, o ato tem o mesmo objetivo do “Algemaço” da última sexta-feira (07), quando os trabalhadores protestaram contra as más condições de trabalho, desaparelhamento da polícia, corte do orçamento e perdas salariais. A concentração do ato será na Superintendência da Polícia Federal (PF), situada no Cais do Apolo, a partir das 9h, onde os policiais irão oferecer café da manhã.
A manifestação, que ocorre em todo o País, é liderada pelo Sindicato dos Policias Federais de Pernambuco (Sinpef-PE). Os agentes reclamam que não estão recebendo a devida valorização, amargando o congelamento salarial de pelo menos cinco anos. Segundo a categoria, o último reajuste foi de 3,4%, em 2009. As perdas salariais atingem a casa dos 40%, de acordo com Sinpef-PE. Além dos entraves salariais, os trabalhadores questionam a falta de planejamento em relação à segurança durante a Copa do Mundo.
A categoria menciona também a evasão de profissionais da corporação, chegando a 250 policiais federais por ano, em todo o Brasil. De acordo com o Sindicato, os funcionários estão migrando para outros órgãos através de novos concursos públicos. Ainda segundo o Sinpef-PE, no ano passado 230 agentes federais abriram mão da profissão. “Dos cargos esvaziados, metade desistiu no início da carreira, sem citar o comportamento dos policiais mais antigos, que contam os dias para se aposentar”, explica o Sindicato, em nota enviada à Imprensa.
A expectativa da categoria é que a paralisação desta terça-feira tenha uma boa adesão e que a maioria das atividades em Pernambuco seja suspensa. A única exigência é permaneça em atividade 30% do efetivo, conforme exigência em lei, tanto na Superintendência, quanto nas unidades da Polícia Federal no aeroporto, Porto do Recife e nos municípios de Caruaru e Salgueiro.
Com informações da FolhaPE
Compartilhe:

Comentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.