CARUARU: VARA DA FAZENDA MANTÉM AFASTAMENTO DE VEREADORES, ACUSADOS DE MENSALÃO

Os dez vereadores envolvidos no chamado mensalão de Caruaru seguirão afastados de cargos. A decisão foi tomada pelo juiz da Vara da Fazenda Pública do município agrestino, José Fernando Santos Souza. Esses parlamentares são acusados de cobrar propina para votar com o governo municipal na Câmara, incluindo a aprovação de uma matéria que possibilitaria a implementa de um BRT na Capital do Agreste.
O Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) havia determinado o retorno dos parlamentares à atividade no Parlamento caruaruense, com a anulação de uma medida cautelar 4ª Vara Criminal de Caruaru que indicava temporariamente o afastamento dos vereadores de suas funções.
Entretanto, a decisão não tem efeito sobre outra anterior expedida pela Vara da Fazenda.
Os vereadores acusados de cobrança de propina ingressam com pedido de agravo de instrumento para reverter também essa decisão. O mérito ainda será avaliado pelo desembargador da 4ª Câmara de Direito Público, Itamar Pereira da Silva Junior.
A previsão é de que a análise desse agravo de instrumento deverá ser realizada até o fim dessa semana.
Com informações do Blog da Folha
Compartilhe:

Comentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.