EM ENTREVISTA SECRETÁRIO DE CULTURA DO CABO DESTACA VALORIZAÇÃO AOS ARTISTAS LOCAIS

Durante a Conferência estadual de Cultura realizada em setembro na cidade de Gravatá o repórter Márcio Meira conversou com Rinaldo da Costa, Secretário Executivo de Cultura e Laser do Cabo de Santo Agostinho, o mesmo explanou sobre os projetos culturais que a cidade do Cabo de Santo Agostinho vem desempenhado para a valorização dos artistas da cidade.
O Cabo conta hoje com um projeto pioneiro e que tem beneficiado os artistas da cidade, com a disponibilidade de um estúdio de gravação e produção musical onde os artistas produzem seus cd’s sem custo nenhum, tudo bancado pela prefeitura municipal, “Nós nos sentimos muito orgulhosos e com a sensação de dever cumprido. O estúdio está cumprindo com o seu objetivo. Isso reafirma o compromisso que fizemos com nossos músicos. Hoje eles estão realizando um sonho”, disse Rinaldo.
O projeto já produziu cds de vários artistas locais e tem incentivado músicos para que possam cada vez mais buscar propagando a cultura da região.
A frente do estúdio montado no centro do Cabo, está um artista da cidade de Amaraji, com conhecimento

profissional e renomado na área o músico Marcelo Brianni desempenha a responsabilidade de produzir musicalmente os artistas.

Vale salientar que para gravar no estúdio Maninho da Flauta, o músico precisa ser morador do Cabo, isso comprovado mediante documento e antes comparecer a secretaria de  cultura e laser para efetuar o cadastro cultural, as gravações são por ordem de cadastro.
Reportagem: Márcio Meira
Compartilhe:

Comentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.