MANIFESTANTES BLOQUEIAM A BR-232 NOS DOIS SENTIDOS, EM MORENO

Manifestantes ligados ao Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) fecharam a BR-232 nos dois sentidos. O protesto é realizado por assentados do Engenho Pereira Grande e agricultores atingidos pelas obras da barragem do Engenho Pereira, em Moreno, localizado a oito quilômetros do engenho.
Queimando pneus, com faixas e cartazes, eles denunciam que a obra está parada e exigem uma solução imediata para a comunidade. O protesto acontece nas imedições do Parque Aqúatico de Moreno, na altura do quilômetro 28,8 e conta com a participação de cerca de 50 pessoas. 
Os motoristas estão sendo impedidos de passar pelo bloqueio e o trânsito está congestionado na área. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) enviou uma equipe ao local. 
Barragem – A ordem de serviço para a construção da Barragem Engenho Pereira, em Moreno, foi assinada no dia 21 de janeiro deste ano pelo governado Eduardo Campos. Com capacidade de acumulação de 46 milhões de metros cúbicos de água, a obra está orçada em R$ 35,7 bilhões e ficará localizada no Rio Jaboatão.
Na ocasião, o secretário de Recursos Hídricos e Energéticos, José Almir Cirilo, apontou que a barragem cumprirá duas missões: o abastecimento das cidades de Moreno, Jaboatão dos Guararapes e Vitória de Santo Antão e a contenção de cheias na Mata Sul de Pernambuco, sobretudo nas áreas das bacias hidrográficas dos Rios Una e Sirinhaém.
Do Diario de Pernambuco
Foto: Daniel Leal
Compartilhe:

Comentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.