POLICIAIS DE PERNAMBUCO EM ALERTA SOBRE POSSÍVEIS ATAQUES DO PCC

Após a Polícia Federal ter interceptado ligações de Facções Criminosas com 15 presos no Presídio de Limoeiro e uma na Cadeia de Gravatá, os batalhões da Polícia Militar de Pernambuco estão alertando os PM’s sobre possíveis ataques do Primeiro Comando da Capital (PCC). Nas conversas telefônicas, foi identificada uma mensagem de ordem para “matar policiais militares fardados no interior do Estado”. Aos que executassem o serviço, seria paga a quantia de R$ 5 mil por cada policial morto.
Retrospectiva:
PCC pode estar articulando investida contra a Polícia de Pernambuco PM’s estariam recebendo alertas sobre possíveis ataques pelo celular
20.11.2012
A Associação Movimento Independente dos Policiais Civis de Pernambuco (MIPC/PE) não poderia deixar de divulgar uma nota sobre uma possível ofensiva do Primeiro Comando da Capital (PCC) aos policiais de Pernambuco. O presidente da associação, Diego Soares, ressalta a importância de os policiais estarem preparados caso os boatos sejam confirmados. “A atenção redobrada é fundamental aos servidores policiais civis, se é boato ou não, o que não poderemos esperar é um pronunciamento oficial do Governo para tomarmos as cautelas necessárias”, declara.
De acordo com nota divulgada pelo Sindicato dos Agentes Penitenciários de Pernambuco, os rumores apontam que o PCC estaria vindo atuar em Pernambuco e na Bahia. No texto, o sindicato aponta a importância de se reforçar todos os procedimentos de segurança, principalmente nas unidades onde existem presos da facção criminosa.
Fonte: Toritama Informa.
Compartilhe:

Comentários

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.