ESCADA TENTA HÁ 3 SEMANAS ELEGER O NOVO PRESIDENTE DA CÂMARA DE VEREADORES

A cadeira de presidente da Câmara de Vereadores da cidade de Escada, com 62mil habitantes e cerca de 60km da capital pernambucana está sendo muito cobiçada pelos seus vereadores eleitos em 2016.

Desde a última terça-feira de fevereiro, dia 27, que a Câmara de Vereadores do município tenta realizar a eleição da sua mesa diretora para o biênio 2019/2020, a cada dia marcado para a escolha uma ação inusitada acontece provocando o cancelamento da votação.

Na primeira data, escolhida através de alteração no regimento interno da casa legislativa em caráter de urgência pelo atual presidente, o vereador Elias Ribeiro, houve um blackout, apenas no prédio da Câmara, cancelado pela primeira vez a decisão entre Elias Ribeiro do Solidariedade, que tenta reeleição, e Eduardo do Arretado, do Progressista.

Na segunda tentativa, no dia 07 de março, o que cancelou a realização da sessão ordinária e da eleição foi a perda das chaves pela equipe técnica da câmara, até hoje, nem a queda de energia, nem a perda das chaves foram justificada pela atual presidência.

Tendo em vista a falta de transparência pela atual mesa diretora, um grupo formado por oito vereadores (Eduardo do Arretado, Antônio Rufino Binho, Professora Valdênia, Sandra do Matadouro, Roberto do Pichá, Marcos Santiago, Deda Móveis e Gil Sat), deram entrada em uma ação judicial, solicitando que por um mandato de segurança, a sessão e a votação da mesa diretora fossem garantidas.

O mandato foi deferido pelo juiz da 1ª vara da Comarca da Escada, e o presidente Elias Ribeiro convocou os vereadores para a votação para o dia 12 de março, no dia remarcado para votação casa legislativa contou com uma grande presença da população escadense que lotou a galeria e os arredores da Casa Sizenando Cabral.

Desta vez o Juiz Demetrius Liberato Silveira Aguiar, não atendeu o pedido de reconsideração impetrado por Elias Ribeiro, e tornou nula a convocação do presidente, dando poderes a 1ª secretária, a vereadora Sandra do Matadouro, primeira substituta do presidente a convocar e presidir a eleição, no prazo que apresenta o regimento interno da casa legislativa.

Agora basta aguardar o que acontecerá na próxima reunião e posteriormente eleição da mesa diretora convocada pela 1ª secretária Sandra do Matadouro nesta terça-feira, 13 de março, as 19h, na casa Sizenando Cabral, Câmara de Vereadores da Escada. (P.F.)

Comentários

comments

Paulo Fernandes

Publicitário, Jornalista, Técnico em Gestão Pública, mas não sei quem sou, quando descobrir, concluo.